Curia Generalis Ordinis Fratrum Minorum Capuccinorum

Log in
updated 3:19 AM CET, Nov 21, 2017

Dia da Família Capuchinha 2017

Destaque Dia da Família Capuchinha 2017

No último 3 de julho, recordou-se o início da reforma capuchinha: de fato, é datada de 3 de julho de 1528 a Bula “Religionis Zelus” do Papa Clemente VII, com a qual ele concedeu a Mateus de Bascio e àqueles que a este se uniriam a permissão de restaurar a antiga observância da Regra de São Francisco. Mateus e o grupo originário logo foram seguidos por outros e, inicialmente, foram denominados Frades Menores da vida eremítica.

Assim, a cada ano, nesta data, somos chamados a celebrar o Dia do nascimento da Família Capuchinha. Este ano, a ocasião coincidiu com o encontro em Frascati, de uma semana, dos Ministros Provinciais e Custódios no primeiro mandato, para uma série de encontros informativos relacionados ao seu ofício.

Na circunstância, estavam presentes representantes de diversos Institutos agregados à Ordem Capuchinha: as Irmãs Capuchinhas do Sagrado Coração, as Irmãs Capuchinhas de Madre Rubatto, as Irmãs Terciárias Capuchinhas da Sagrada Família, as Irmãs Franciscanas Missionárias de Cristo, os Terciários Capuchinhos de Nossa Senhora das Dores, as Irmãs Capuchinhas da Mãe do Bom Pastor. Também as Irmãs Missionárias Franciscanas do Verbo Encarnado se fizeram presentes por meio de uma mensagem, bem como vários Mosteiros de Clarissas Capuchinhas, que prometeram nos acompanhar na oração.

Pela manhã, após as apresentações, com a presença do Vice-Secretário Geral da Formação, Fr. Jaime Rey, foi apresentada uma conferência sobre o tema: “A unidade dos franciscanos e a reforma capuchinha: a memória da Bula “Ite vos”, rumo à celebração do V centenário da reforma capuchinha”. Partindo da concepção da unidade como “poliedro” (cf. Papa Francisco, Evangelii Gaudium 236), a busca de uma comunhão na diversidade e o respeito pela particularidade de cada realidade se tornam uma motivação para o nosso ser família espiritual. Sob esta concepção, há uma antropologia cristã e franciscana, que foi evidenciada com diversos tópicos.

Com a presença dos novos ministros em Frascati, foi concelebrada a Santa Missa, presidida pelo Ministro Geral, para agradecer ao Senhor pelo dom da nossa grande família capuchinha. O Evangelho próprio da Festa de São Tomé deu o tema e o tom à reflexão e à ligação com a característica profundamente contemplativa e apostólica dos primeiros capuchinhos.

O almoço festivo foi uma belíssima ocasião de encontro fraterno e partilha. À tarde, continuando a nossa reunião, falou-se de dois grandes eventos franciscanos deste ano: o Capítulo Generalíssimo dos Franciscanos da Úmbria e o Congresso sobre unidade da família franciscana da Escola Superior de Estudos Franciscanos de Madri.

Cada congregação ilustrou a identidade e as atividades do próprio instituto. Enfim, acenou-se a possibilidade de compartilhar espaços próprios, animados pelo Secretariado da Formação, com irmãs e irmãos da nossa família.

Fr. Leonardo Ariel González

Galleria delle foto

Última modificação em Terça, 18 Julho 2017 17:20