Ordo Fratrum Minorum Capuccinorum PT

Log in
updated 4:07 PM UTC, Feb 22, 2024

Fr. Bruno Tröndle (1947-2023)

Na manhã do dia 13 de setembro de 2023, na Casa de Repouso St. Katharina de Werne veio a óbito o nosso confrade Bruno Tröndle, que tinha 77 anos. No dia anterior, havia recebido alta do hospital de Werne, onde permaneceu internado por duas semanas. Fr. Bruno foi membro da Cúria Geral.

Bruno Tröndle nasceu em Bad Säckingen, sul de Baden, filho da dona de casa Hannelore Tröndle. O seu pai foi um soldado francês de Hanói. De 1953 a 1960 Bruno frequentou a escola elementar em Laufenburg e ali teve o primeiro contato com os Capuchinhos de Bad Säckingen. Em setembro de 1966 chegou ao postulantado de Stuhlingen para preparar-se para a admissão à Ordem dos Capuchinhos. Depois do ano de noviciado foi transferido ao nosso convento de estudos em Munster, onde lhe foi confiada as tarefas de cozinheiro, sacristão e porteiro. Fr. Bruno emitiu a profissão solene em janeiro de 1972 na igreja paroquial de Santa Cruz em Bad Säckingen, confiada aos Capuchinhos.

As duas temporadas em que esteve em Roma (de 1982 a 1989 e de 1994 a 1998) foram entrelaçadas por cinco anos de portaria na nossa Casa de Repouso de Frankfurt, às margens do rio Meno, onde lhe foi novamente incumbido o trabalho pastoral com os artistas, tarefa que já havia realizado antes em Munique. Como porteiro da Cúria geral em Roma, fr. Bruno teve naturalmente numerosos contatos com confrades, superiores religiosos e também bispos de todo o mundo, em particular dos países de missões, que se encontravam ali várias vezes em visitas para discutir as suas relativas questões com o Governo geral da Ordem. Como cordial porteiro, tornou-se conhecido por todo o mundo e, nas ocasiões dos Capítulos Gerais e de outros encontros, utilizou de modo excelente os seus dotes de “garçom” no refeitório e durante o momento de recreação da noite. Estabeleceu muitos contatos no Vaticano e por isso sempre conseguia para os amigos e conhecidos entradas para as Audiências papais ou cartas e bençãos do Santo Padre. Ainda hoje, na Cúria geral se fala de “fr. Bruno”, o amável porteiro da “Alemanha”.

Em 1998 fr. Bruno retornou à Alemanha, ao nosso convento de Munique, para assumir novamente o serviço de porteiro. Continuou também o seu trabalho pastoral com artistas e atores. No começo dos anos 2000 foi transferido por um breve período para Frankfurt, mas em seguida retornou a Munique. A sua saúde não era mais sólida. Na medida das suas possibilidades, ocasionalmente ele cuidava da portaria. Os seus últimos anos foram transcorridos na enfermaria do convento.

Com uma tristeza cristã, mas sobretudo com gratidão e esperança pela vida na glória de Deus, nos despedimos do nosso irmão fr. Bruno e o confiamos à nossa oração e de todos aqueles que o conheceram, que foram próximos e que o estimaram. Obrigado fr. Bruno pelo dom da tua vida.

Última modificação em Quarta, 27 Setembro 2023 14:22