Ordo Fratrum Minorum Capuccinorum

Log in
updated 9:49 AM UTC, Jul 6, 2022

Gandolf Wild OFMCap

Gandolf Wild

 Aos 5 de abril de 2022, recebemos a notícia do falecimento de fr. Gandolf Wild, Secretário Geral emérito de nossa Ordem (1995-2008).

Gandolf tinha 82 anos e nasceu em Buhler, Appenzell, Suíça. Entrou na Ordem na Província Suíça e fez a primeira profissão em 1961. Depois de completar os estudos de filosofia em Stans e de teologia em Sion e Solothurn, em 13 de setembro de 1964 fez a profissão perpétua. Foi ordenado sacerdote aos 4 de julho de 1965. Em 1968 partiu para a missão na Tanzânia. Aqui ele completou seus estudos em história, sociologia, pedagogia e em 1971 obteve uma licença e um diploma em pedagogia. Preparou e animou como Secretário a Assembleia da Ordem em Lublin em 1992 e o Capítulo Geral de 1994 em Roma.

Irmão conhecido e estimado por seu empenho, em janeiro de 1995 foi nomeado Secretário Geral da Ordem. Em seus treze anos de permanência na Cúria, serviu com cuidado, fidelidade e dedicação, primeiro como Secretário Geral e depois como Arquivista da própria Cúria Geral, não esquecendo as pequenas e inúmeras tarefas e atribuições, às vezes ocultas e ao mesmo tempo importante, capaz de fazer perceber o que significa vivem em fraternidade. A sua presença foi preciosa tanto pela competência como pela memória que, para um serviço como o da Cúria Geral, precisa ter, para não correr o risco de perder a eficácia, mas sobretudo perder aquele contacto fraterno e pessoal que é um sinal da nossa identidade. Uma presença que sempre se caracterizou pela disponibilidade para ajudar os frades que aos poucos foram se sucedendo nos diversos cargos da Cúria geral. Depois de seu serviço em Roma, continuou a servir a Ordem ao lado de Dom Paul Hinder, no Vicariato da Arábia, onde trabalham muitos frades capuchinhos.

Morreu um irmão, um professor... um frade apaixonado pelo Evangelho da missão e pela Ordem dos Frades Menores Capuchinhos. Paixão que foi imediatamente percebida em sua maneira de falar, mas sobretudo no compartilhar com ele a vida cotidiana. Um frade capuchinho, não só de profissão, mas de vida.

Com nossa oração fraterna e sincera gratidão acompanhamos nosso querido pe. Gandolf no encontro com o Senhor, invocando para ele o prêmio prometido aos fiéis servos do Evangelho.

Nossos queridos santos que moram no céu, e especialmente nosso bem-aventurado padre São Francisco, apresentam-no ao Senhor.

Última modificação em Sábado, 09 Abril 2022 10:39