Ordo Fratrum Minorum Capuccinorum

Log in
updated 1:40 PM CEST, Jun 18, 2019

Encontro dos responsáveis pelo trabalho missionário

Encontro dos responsáveis pelo trabalho missionário

29 de abril – 3 de maio de 2019

Roma. Em uma atmosfera aberta e agradável, a maior parte dos responsáveis pelo trabalho missionário das diversas províncias da CENOC realizaram seu sexto encontro anual na Cúria Geral dos Capuchinhos. Participaram do encontro: Fr. Othmar Noggeler (Alemanha); Fr. Christoph Kurzok (Áustria e Tirol do Sul); Fr. Luc Vansina (Bélgica); Fr. Aklilu Petros, da parte da Cúria Geral; Fr. Aloys Voide, Daniel Hug (organização) e Beat Baumgartner (todos os três da Suíça); Fr. Kieran Shorten e Fr. Patrick Flyn (Holanda); Fr. Philip Cutajar (Malta); Fr. Dominique Savenier e Fr. Jonson Savarimuthu (França); e Fr. Fernando Ventura (como tradutor, Portugal).

A reunião se concentrou primeiramente no tema em andamento do encontro de São Francisco com o Sultão Malik al-Kamil, na cidade portuária de Damietta, no Egito, há 800 anos. Fr. Ben Ayodi, da Cúria Geral, fez uma longa palestra sobre este encontro, que é visto como a origem do diálogo islâmico-cristão. Para aprofundar o tema, os participantes da CENOC tiveram a possibilidade de assistir ao filme “O Sultão e o Santo”, que conta a história de um ponto de vista mais especificamente muçulmano.

Todos os participantes da CENOC se sentiram vivamente tocados pelo testemunho autobiográfico de Mohamed El Bachiri, que perdeu a esposa no ataque terrorista de 22 de março de 2016 na estação do metrô de Maalbeek, em Bruxelas. Mohamed El Bachiri escreveu um livro sobre a terrível experiência, intitulado “A jihad of love” (Uma jihad de amor, N. do T.), no qual explica que nem a vingança e nem a represália podem promover a liberdade e a justiça entre as religiões e grupos étnicos, mas só o trabalho da liberdade.

Mohamed El Bachiri foi convidado ao encontro da CENOC por Fr. Luc Vansina e foi ele, juntamente com Barbara Merrens e Srijin Vemae, do movimento franciscano leigo da Bélgica, a propor o projeto muito interessante denominado “Convite a uma oração comum”, com diversas atividades no dia 4 de outubro de 2019. Este projeto não prevê apenas uma oração comum pela paz das várias religiões, mas também o toque dos sinos, cada um na própria diocese. O projeto foi muito bem recebido pelos participantes da CENOC, que prometeram apoiá-lo na melhor das suas possibilidades nas próprias províncias.

Quinta-feira pela manhã, o novo Ministro Geral dos Capuchinhos, Fr. Roberto Genuin, encontrou-se com o grupo para enfatizar a importância da missão em nossos dias. A missão não é só uma questão de dinheiro, disse Fr. Roberto, em nosso mundo secular devemos pensar em outros termos em relação ao passado. Há um movimento do norte ao centro e do clero aos leigos.

A assembleia também examinou os projetos de financiamento e de solidariedade da Cúria; as informações foram apresentadas por Fr. Aklilu Petros, da Cúria, e, em seguida, os representantes das diversas províncias capuchinhas partilharam os relatórios anuais sobre suas atividades missionárias. Na sessão seguinte, os participantes debateram sobre o tema: qual é o nosso objetivo para o futuro? E, por último (não em importância): estamos prontos para trabalhar com os leigos?

No fim, todos os participantes do encontro da CENOC expressaram a convicção de que é importante continuar com estes encontros para o futuro.

Beat Baumgartner

Última modificação em Quinta, 23 Mai 2019 15:59